Segunda-feira, 1 de Setembro de 2014

Velhice

O ouvido que não ouve

O braço que não levanta

A perna que não estica

Uma voz que já não canta

Dentes que não mastigam

O pente que não penteia

Gases que não controla

Qualquer coisa que rareia

© Augusto Brilhante Ribeiro

 

publicado por Augusto Brilhante Ribeiro às 00:00
link do post | comentar | favorito

pesquisar

 

arquivos

Velhice

Música Clássica
Previsão do tempo